sexta-feira, 26 de maio de 2017

Um retoque de pintura objetivo no Fusca

Conforme o tempo vai passando e nós vamos desenvolvendo uma nova visão para tudo o que está em nossa volta, nós percebemos o quão é importante a simplicidade e a força de vontade quando vamos desempenhar algo. O post de hoje nos mostra que é possível sim fazer muita coisa no carro com poucas ferramentas e uma boa dose de boa vontade. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like bacana na página do Facebook e de seguir o blog também. Desta maneira, você fica sabendo de tudo o que rola aqui no blog, visto que sempre há um post novo todos os dias. Os botões de curtir e seguir estão aqui a sua direita, bem rápidos e fáceis. Para seguir o blog é necessária apenas uma conta do Google, coisa que todo mundo tem hoje em dia. Além disso, a sua direita também há um botão para que você possa se inscrever em meu canal do Youtube, onde muitas novidades aparecerão em um futuro muito breve para somar com alguns vídeos que lá já existem. Clicando nesses botões e dando essa forcinha, você está prestigiando o blog de uma das melhores maneiras possíveis para que ele continue crescendo e mais pessoas possam conhecer todo o conteúdo que é postado aqui para todos aqueles que, assim como eu, são apaixonados pelo fantástico mundo do antigomobilismo com admiração pelo incrível universo dos Volkswagen refrigerados a ar.
Por muitas vezes aqui no blog, eu tento falar de um tema tanto no meu ponto de vista como numa abordagem geral. Quando a minha opinião não consegue agregar muito valor ao conteúdo, eu tento até tirar um pouquinho o pé. Mas, confesso a vocês: De todas as vertentes do ramo automotivo, acredito eu que a funilaria seria a que eu menos me daria bem. Eu curto muito mecânica e elétrica, mas não sei se teria tanta habilidade para fazer um serviço de funilaria e este ficar bom. Pois bem, o post de hoje mostra que existem muitos "funileiros domésticos" que cultivam o estilo faça você mesmo desempenhando um trabalho bastante interessante.
As fotos que você vê ao final do post foram tiradas e divulgadas pelo meu amigo Davi Rios. Sim, o Davi que tem o Fusquinha amarelo que tanto fez sucesso aqui no blog há algumas semanas atrás. Pois bem, desta vez o Davi atacou novamente mostrando um retoque que ele fez no paralama dianteiro direito de seu Fusca, onde havia um pequeno detalhe. Nas fotos, vocês podem notar todo o trabalho de funilaria, pintura e acabamentos feitos na peça. Um outro detalhes bacana é que ele conseguiu um bom resultado com um serviço simples e que era muito comum nos retoques de funilaria dos anos 70 e 80.
O segredo do sucesso está na simplicidade. Quero agradecer ao Davi por ceder as fotos!
Veja:










4 comentários:

  1. Esse tipo de serviço nas décadas de 70 e 80 era bem mais fácil ainda, visto que a Colorgin fabricava tintas spray na cor dos carros da época.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente. a funilaria caseira antigamente era infinitamente mais comum.

      Excluir
    2. Hoje as pessoas nem lavar o carro na porta de casa fazem mais.

      Excluir
    3. Isso é algo que eu adoro fazer. A minha garagem não ajuda, mas sempre que eu posso, prefiro...

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!