terça-feira, 16 de maio de 2017

Hoje é dia de cabine dupla

O post de hoje trata de um tema que, sinceramente falando, eu não me lembro de ter falado no blog anteriormente. O mais legal é que para detalhar as cabines duplas das Kombis eu achei um exemplar muito interessante e que nos mostra mais uma vez o quanto os VW a ar lá do exterior também são interessantes. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like bacana na página do Facebook e de seguir o blog também. Desta maneira, você fica sabendo de tudo o que rola aqui no blog, visto que sempre há um post novo todos os dias. Os botões de curtir e seguir estão aqui a sua direita, bem rápidos e fáceis. Para seguir o blog é necessária apenas uma conta do Google, coisa que todo mundo tem hoje em dia. Além disso, a sua direita também há um botão para que você possa se inscrever em meu canal do Youtube, onde muitas novidades aparecerão em um futuro muito breve para somar com alguns vídeos que lá já existem. Clicando nesses botões e dando essa forcinha, você está prestigiando o blog de uma das melhores maneiras possíveis para que ele continue crescendo e mais pessoas possam conhecer todo o conteúdo que é postado aqui para todos aqueles que, assim como eu, são apaixonados pelo fantástico mundo do antigomobilismo com admiração pelo incrível universo dos Volkswagen refrigerados a ar. 
Algo muito bacana na linha VW a ar é que pelo fato de todos os seus modelos contarem com a mesma mecânica e com muitas características em comum, é possível falarmos de diversos modelos e todos aqueles que são adeptos a um em especial não conseguem deixar de admirar os demais. Eu, como um amante dos Fusquinhas não posso deixar de curtir todos os seus derivados, dentre eles a Kombi, um utilitário muito importante para a construção do nosso país e que sempre foi dotado de uma grande simpatia.
O carro que vocês verão hoje não foi escolhido por mim por acaso para estar nesse post, mas sim por ele contar com diversas peculiaridades que o tornam bastante interessante. Uma das combinações da Kombi aqui no Brasil que a cada dia se torna mais rara e desejada entre os antigomobilismo é a sua configuração de cabine dupla. A maioria dessas Kombis aqui no Brasil saíram com motores a diesel, que infelizmente não deram certo por muito tempo. Desta forma, muitas dessas Kombis ficaram (e ainda estão) encostadas em busca de alguém que as ressuscite. Para mostrar um pouco desse modelo que está a cada dia menos comum, eu escolhi um carro muito bacana.
Este maravilhoso Volkswagen Type 2, ou simplesmente, esta Kombi que aparece ao final do post vem lá do site TheSamba.com. Por várias vezes eu já citei esse site aqui visto ele ter um fórum muito bacana sobre VW a ar e uma parte de classificados onde se acha carros como esse. O exemplar em questão é um Type 2 ano 1968 que foi totalmente restaurado. O bacana é que este carro seguiu um padrão conservador nas estética mas teve a sua mecânica apimentada com muito bom gosto. Hoje esse carro tem um motor preparado com um virabrequim que lhe rende 74mm de curso atrelado a um kit de pistões de 90,5mm. Essa combinação dá ao motor dessa Kombinha 1904cc contra as 1776cc que seriam possíveis com o virabrequim de curso original (69mm). Além disso, o carro também tem uma dupla carburação com borboletas de 40mm que dão conta de alimentar esse motor com tranquilidade. O motor está com pouco mais de 2000 milhas rodadas pela Califórnia e o seu dono está pedindo pouco mais de 30000 dólares pelo clássico. A gente sabe que não é barato, mas o carro é uma graça. Esses modelos (depois das Corujinhas, é claro) me agradam muito.
O link original que mostra todo o anúncio é este aqui e com certeza vale a pena conferir.
Veja:


















2 comentários:

Seu comentário é muito bem vindo!