sábado, 11 de março de 2017

Alguns resultados de escapamentos 4x1 no Fusca

Com certeza esse post agradará todos aqueles que curtem roncos mais esportivos em motores VW a ar. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like bacana na página do Facebook e de seguir o blog também. Desta maneira, você fica sabendo de tudo o que rola aqui no blog, visto que sempre há um post novo todos os dias. Os botões de curtir e seguir estão aqui a sua direita, bem rápidos e fáceis. Para seguir o blog é necessária apenas uma conta do Google, coisa que todo mundo tem hoje em dia. Clicando nesses botões e dando essa forcinha, você está prestigiando o blog de uma das melhores maneiras possíveis para que ele continue crescendo e mais pessoas possam conhecer todo o conteúdo que é postado aqui (Existem outros posts sobre escapamentos, por exemplo) voltado para todos aqueles que, assim como eu, são apaixonados pelo fantástico mundo do antigomobilismo e principalmente pelos Volkswagen refrigerados a ar.
Toda vez que alguém que curte automóveis e mecânica vai a algum lugar onde existem muitos veículos interessantes agrupados, como em um encontro por exemplo, muitos detalhes chamam a atenção nos mais diversos carros que se esteja observando. Quando se vai a um encontro de carros antigos, por exemplo, algo que geralmente chama bastante a atenção nos carros por parte daqueles que prestigiam o evento além da aparência dos clássicos é o ronco do motor. Alguns são bem baixos e comportados, outros com pegada mais esportiva ou até mesmo alguns com um volume bastante elevado. Por esse motivo, estou escrevendo mais um post que pode, de alguma forma, lhe auxiliar na escolha de um escapamento para seu Fusca se a sua ideia é instalar algo dimensionado para uma melhora de desempenho e um ronco um pouco mais "nervoso".
Os escapamentos a serem abordados no post de hoje são bastante conhecidos em virtude de usarem um princípio muito comum utilizado em carros e também em várias motos: O popular escapamento 4x1. Para quem não conhece, a compreensão desse nome é simples: Existem quatro saídas de gases por parte do motor (pois o motor do Fusquinha tem quatro cilindros) e apenas uma saída dos gases. É por esse motivo, por exemplo, que o popular escapamento "capetinha" que já teve um post sobre aqui no blog comumente é chamado de 4x2, por ter duas saídas de gases (como no escapamento original do Fusca).
Para os mais leigos em mecânica, pode estar pairando a dúvida do porque utilizar um escapamento dimensionado (sejam esses 4x1 de hoje ou aqueles que aparecem em outros posts) a não ser pelo ronco que ele produza. A resposta é muito simples: Escapamentos dimensionados oferecem menos restrições aos gases no momento em que eles estão fazendo seu "caminho" pelos dutos do escapamento. Quando existem restrições no fluxo de gases, também há uma (geralmente leve) perda de desempenho. Na realidade, quão maior for o seu projeto de performance, maior pode ser essa restrição no rendimento total do motor.
Em motores originais esses escapamentos (assim como quaisquer dimensionados) também geram uma melhora de desempenho em relação ao escapamento original, eu mesmo já vi Fuscas 1300 com escapamentos 4x1 e, em virtude desse componente, terem um rendimento bastante interessante em virtude da cilindrada. Vale ressaltar que o escapamento não é uma peça milagrosa: A melhor maneira de fazer seu carro andar bem é mantendo-o sempre regulado para que ele possa ter o melhor rendimento possível.
Abaixo vocês verão escapamentos 4x1 nas mais diversas configurações, de modo que, com esses parâmetros, você possa aprimorar suas buscas no objetivo de encontrar o escapamento original para o que mais importa na vida do dono de um Fusca ou derivado: A felicidade.
Eu particularmente prefiro escapamentos mais silenciosos e, como disse em outros posts, adoro o escapamento original ainda que infinitamente mais restritivo que um dimensionado, mas com certeza aqui temos roncos muito bacanas.
Veja:


Esse vídeo vem lá do canal do Crispim Movies, do Youtube. Nele, é mostrado o resultado de um 4x1 direto (sem abafador) aplicado no Fusca.


Mais uma demonstração do mesmo escapamento em alto giro.


Esse vídeo vem lá do canal do Vinícius Costa. Nele, é mostrado um escapamento 4x1 com ponteira cromada. Esse particularmente me agradou.


Esse vídeo veio lá da German Race e conta com uma particularidade: É um escapamento todo de inox (o material empregado na peça interfere diretamente no ronco) com um abafador bem generoso. Além disso, ele está instalado num Fusca maravilhoso. O fato de ter abafador "comporta" bem o ronco, mas eu particularmente gosto bastante dessa configuração.


Por último (mas não menos importante) vem um vídeo lá do canal do RobFusca. Nele, é mostrado um escapamento 4x1 com um abafador totalmente exposto. Esse juntamente com o anterior foram, sem dúvidas, os que mais me agradaram por ter o ronco mais grave e, em virtude do abafador, um pouco mais baixo. Ouvindo com calma, dá até para comparar esse ronco ao das últimas Kombis refrigeradas a ar.
Espero que esse post tenha te ajudado na busca pelo seu escapamento ideal. Se você ainda não achou, passe nos outros posts sobre escapamentos para ver se, entre os conteúdos, não está o seu objetivo.
Muito obrigado!

7 comentários:

  1. O ideal mesmo seria um modelo igual ao último escapamento, mas sem ser exposto dessa maneira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Creio eu ser possível montar um 4x1 com o abafador mais escondido. Eu também preferiria. Acredito que com um pouco de criatividade isso pode ser contornado sem problemas.

      Excluir
    2. Tem a silenauto no Rio Grande do Sul.

      http://www.silenautto.com.br/

      Excluir
    3. A Silenautto faz um trabalho excepcional!

      Excluir
  2. Particularmente não gosto muito de escapes barulhentos tive um puma gts e apesar do escape dos pumas não serem referência de desempenho acho o ronco muito agradável sem ser estridente. Nos vídeos do tonella eu vi dois modelos empi muito bons. O modelo gt e o sidewinder. Esse último com uma configuração de saídas realmente invejável, sem qualquer restrição de gases.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que eu acho bacana no escapamento do Puma é o ronco em baixas rotações que é bem grave. É realmente super agradável. Com relação ao Sidewinder eu também gosto, aliás, o que mais me agrada nesse escapamento é o conjunto que o abafador, bengalas e o escapamento em si formam. O EMPI GT é um sonho de consumo, principalmente o modelo de inox.

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!